Essa porcelana é cerâmica…

porcelana

Desde a idade média, possuir louças ou até mesmo porcelanas em casa significava status social, sinônimo de sofisticação e, muitas vezes, eram expostas bem na sala de visitas como um toque refinado na decoração desse ambiente das famílias nobres. Atualmente, na maioria dos casos, a porcelana e a louça são partes fundamentais na decoração e combinação dos pratos – já que serve para dar mais criatividade e complementar o visual como um todo.

Porém, quase sempre que alguém aparece para comprar um jogo de jantar, percebo que ainda há uma dúvida sobre a diferença entre louça, cerâmica e porcelana. O post de hoje é justamente para explicar e tirar essa dúvida.

diferenca entre porcelana e louca ask mi marina xando2

A porcelana se originou na China há mais de mil anos e nada mais é do que uma variedade de cerâmica dura, branca e translúcida, preparada essencialmente com caulim, podendo ser ou não vitrificada. Ela é delicada, impermeável e translúcida, fina, leve e brilhante quando esmaltada. A porcelana se distingue de outros produtos cerâmicos pela completa isenção de porosidade e sonoridade.

Feita com argila branca de altíssima qualidade, a porcelana é bastante lisa e trata-se do tipo de cerâmica mais seguro para uso na cozinha, por não ser aderente nem porosa e também pela possibilidade de ser colocada em lava-louças. Os conjuntos de jantar de alta qualidade costumam ser feitos de porcelana, o tipo mais caro de cerâmica.

diferenca entre porcelana e louca ask mi marina xando3

Por outro lado, a cerâmica é o material artificial mais antigo produzido pelo homem. Pesquisas apontam que ela é produzida há cerca de 10 a 15 mil anos! Do grego kéramos (terra queimada), é um material de grande resistência e geralmente um pouco mais pesado do que a porcelana.

diferenca entre porcelana e louca ask mi marina xando4

Por fim, a louça, que é o coletivo que agrega todos os artefatos produzidos com estes materiais (cerâmica, faiança e porcelana). Ou seja, é um termo popular de chamar os itens de serviço/decoração, desde que não sejam feitos de materiais como vidro e aço.

Quer saber diferenciar?! Anote as dicas:

  • A porcelana geralmente é mais lisa, mais leve e mais frágil que a cerâmica;
  • Ou seja, ao passar os dedos sobre uma porcelana, notará um acabamento vitrificado;
  • A cerâmica será sempre mais pesada, por ser mais robusta e ser feita de material menos refinado – como o barro e argila;
  • As bordas da porcelana costumam ser mais finas, quase transparentes;
  • Caso tenha dúvidas ainda, saiba que a porcelana é originalmente branca, ou seja, caso quebre, ficará perceptível que o interior dela é branco como o gesso;
  • A cerâmica, por sua vez, terá sempre tons terrosos e um efeito arenoso;
  • Caso o item não esteja quebrado, observe o fundo da peça, o anel que não tem acabamento, e que serve para criar aderência entre as peças, dê uma raspada pra ver se é mesmo branco;
  • Ainda na dúvida?!Preste atenção no som: a porcelana, ao receber um “peteleco”, fará um som de vidro, bem agudo; já a cerâmica, não.

Dicas anotadas?!

Aqui na loja, temos peças tanto de porcelana, quanto de cerâmica, pra todo tipo de bolso e todo tipo de gosto. Aproveite nossas promoções e atualize sua decoração!

 

Anúncios

5 dúvidas sobre cortina: II

01

Olá, como vocês estão?! Bom, o sucesso do último post foi tanto que resolvemos tirar mais cinco dúvidas da cabecinha linda de vocês! Pra quem não viu, a parte I está disponível aqui. Boa leitura e paz no coração! 😛

1. Em ambientes com várias janelas, as cortinas devem ser todas iguais?

Recomenda-se padronizar. Se uma delas fica acima de um móvel, por exemplo, pode-se cobri-la com um  mais curto, e usar cortinas longas nas demais. O resultado será mais harmônico se todas forem do mesmo tecido”, ensina Paulo. Outra sugestão vem de René: “É viável valorizar uma porta-balcão com a cortina e instalar telas solares nas janelas, com bom gosto e originalidade”.

2. O que usar em banheiros e cozinhas?

Melhor investir em persianas, de preferência metálicas, ou telas solares. Ambas são mais fáceis de limpar, detalhe fundamental em espaços expostos a gordura e umidade. Se a esquadria ficar fora do boxe ou longe do fogão, vale instalar uma cortina romana, mas de tecido sintético, que possa ser lavado frequentemente.

3. Quais as opções mais indicadas para pessoas alérgicas a poeira?

Independente do tecido escolhido, cortinas tendem a acumular pó. Por isso, especialistas indicam persianas de madeira ou alumínio para moradas de alérgicos. Isso porque sua superfície não é porosa, o que torna simples a manutenção. Mas se você sofre com o problema, porém não abre mão de cortinas, pode confeccionar modelos de voal ou de outros tecidos 100% poliéster, que permitem lavagens constantes sem estragar.

 

4. Quais as pregas e os tecidos mais utilizados?

Além da wave, segue firme a prega americana – tanto na versão tradicional, com o franzido embaixo, quanto na invertida, com a costura no alto. “A prega macho também não sai de moda”, garante a designer de interiores Isabel Morellato, proprietária da La Belle Bergère, empresa do segmento. Na matéria-prima, destacam-se as tramas sintéticas, de linho ou gaze de linho com poliéster: a aparência imita a da fibra 100% natural, mas sem os inconvenientes de encolher e amassar.

 

Resultado de imagem para cortina wave
Exemplo de modelo wave.
Resultado de imagem para cortina prega americana franzido embaixo
Exemplo de prega americana.

5. Que opções são mais eficazes para barrar o excesso de sol?

Se o espaço sofre com claridade demasiada, a pedida é investir num forro – além de filtrar a luz, o recurso protegerá a trama. Caso queira escurecer completamente a área, compre um modelo blecaute, já sabendo que ele tem um ponto fraco: o visual plastificado. Há cerca de cinco anos, surgiram os chamados blecaute 70%, de aparência mais natural. Eles não vedam a janela completamente, mas podem, inclusive, tomar o lugar da cortina – inclusive, nós temos várias opções em nossa loja! Existe, ainda, a chance de combinar persianas ou telas solares a cortinas.

Gostaram de aprender um pouco mais sobre as cortinas?! Ainda tem alguma dúvida? Comenta aí, dê suas sugestões, faça suas críticas, expresse seu amor ou o seu ódio. O que importa é participar!!

5 dúvidas sobre cortinas

00

1. Cortina ou persiana: qual escolher?

Na maioria das vezes, depende do seu gosto mesmo. Salvo em situações nas quais a persiana é a mais indicada, como quando há pessoas muito alérgicas à poeira na casa, não existe uma norma. Eu acredito, no entanto, que as cortinas têm o poder de deixar qualquer ambiente mais acolhedor e elegante.

2. Que modelos de cortinas estão em alta?

As tendências apontam para os mais leves e fluidos, menos volumosos e com ótimo caimento. Outra novidade é a volta das estampas, comuns nos anos 1970. Até há pouco tempo, as cortinas deveriam ser o mais neutras possível, mas isso mudou, pois agora vale fazer delas um elemento forte da decoração [se joga na loucura!]. Mas se você não gosta muito de arriscar, aposte em corta-luz com voal para dar uma textura mais leve ou naquelas que tem uma estampa em alto-relevo.

3. Quando usar trilho ou varão?

Indica-se o primeiro quando há um cortineiro, de gesso ou madeira, capaz de disfarçar sua presença. Existem casos em que o trilho, muito discreto, pode ficar aparente, mas, em geral, o suporte permanece oculto. Já o varão se mantém à vista, e costuma entrar em cena nos ambientes com forro que acompanha a inclinação do telhado ou se o desejo for torná-lo parte da ambientação. Versões mais chamativas, com ponteiras ornamentadas, estão em desuso [até porque, imagina sua cortina toda estampada e com um varão super luxo max?!].

4. Como calcular a quantidade de tecido?

Meça a largura da janela (2 m, por exemplo) e multiplique por dois: 2 x 2 = 4 Então tire a medida da altura (digamos que o pé-direito tenha 2,60 m) e some 60 cm, medida suficiente para a confecção da barra e do cabeçote: 2,60 + 0,60 = 3,20 Por fim, multiplique os resultados: 4 x 3,20 = 12,80 m A fórmula vale para um tecido com 1,40 m de largura. Caso ele tenha 3 m de largura, poderá ser usado na horizontal, o que dispensa emendas. A metragem necessária, nesse caso, cai pela metade. Aqui está uma fórmula desenvolvida para quem pretende comprar seu próprio tecido para confeccionar suas cortinas. Porém, há tantas opções disponíveis no mercado atualmente [principalmente em nossa lojinha!], que recomendo comprar pronta: sai mais em conta e você ainda não corre riscos de fazer bobagens.

esquema-duvidas-sobre-cortinas-respondidas-por-profissionais

5. As cortinas devem ocupar apenas a janela ou a parede inteira?

A menos que exista algum obstáculo, como um aparador sob a abertura, elas ficarão mais elegantes se alcançarem o piso. Caso não seja possível, prefira um modelo romano ou uma persiana. É preciso entender que cortinas curtas funcionam apenas em quartos de bebê [ou na cozinha]. Com relação à largura, não há regra, mas caso a janela/porta for descentralizada, recomendo encobrir toda a parede para disfarçar a diferença entre os lados.

Aqui em nossa loja, temos opções tanto para janelas, quanto para portas de diversas marcas, tecidos e acabamentos. Trabalhamos por encomenda, caso queira algo bem personalizado.

Gostou das dicas?! Ainda tem alguma dúvida?! Deixei seu comentário, sua opinião, sua crítica. O que importa mesmo é eu saber que você está curtindo ou não. Aceito sugestões de posts também, ok? Semana que vem tem mais dicas sobre cortinas!

 

Os 7 pecados capitais cometidos no quarto

01

Antes que você pense que se trata em deixar ou não deixar seu pet em cima da cama, gostaria de deixar bem claro que não tem muito a ver com isso, ok?! É tanto amor que temos por esses serumaninhos, que decidimos não entrar nesse ponto – só lembrar de manter hábitos saudáveis de higiene.

A gente aqui da Casanova Enxovais selecionamos 7 erros mais comuns que resultam em uma decoração ruim do quarto e que, de um jeito ou de outro, acabam atrapalhando no momento do sono. Então vamos lá!

1. Muito dinheiro gasto em cabeceiras caras

Resultado de imagem para quarto cabeceira reciclada

Nem sempre a melhor opção é comprar uma cama enorme, com cabeceira e peseira. Esses elementos pesam no ambiente e podem ser contra produtivos quando a intenção é trazer originalidade. O mercado está cheio de opções fantásticas de modelos de cama minimalistas. Sem contar que você também pode por a mão na massa e criar uma cabeceira só sua, sobrepondo algum tecido à estrutura já existente ou adaptando outro objeto, como esquadrias antigas, uma porta velha e cortinas. Essa solução alia conforto, bom preço e exclusividade!

2. Suas paredes estão vazias

Resultado de imagem para quarto

Continuando na intenção do quarto refletir sua personalidade: não existe melhor maneira de se expressar que através da arte! Arranjos de paredes são divertidos e pessoais e podem ser fotografias, pinturas compradas, pôsteres ou algo que você mesmo fez. Não tem erro, desde que você ame o que está colocando na parede.

3. Você não consegue largar do seu telefone quando está na cama

Resultado de imagem para quarto

Evite ao máximo ter muitos eletrônicos dentro de seu quarto e principalmente perto da sua cama. O aparelho celular é prejudicial ao dormir: a luz azulada da tela simula a luz do dia, bagunçando seu relógio biológico e impedindo o cair no sono tranquilo. Sem contar a quantidade de bactérias presente em todo aparelho. Tenha um espaço na cabeceira destinado à ele e, durante o sono, coloque-o no modo silencioso. Seu corpo agradece!

4. A bagunça é feita durante o dia e continua lá à noite


              	ACERTO: A Cama Bali, do Meu Móvel de Madeira, possui diversos nichos e gavetas para acomodar tudo que não puder ser colocado nos armários.

A desordem do espaço repercute na mente: se o quarto está um caos, é possível que seu emocional também esteja. Como ninguém quer isso, garanta que exista espaço suficiente no ambiente para guardar todos os seus pertences. Aproveite soluções inteligentes e móveis multiuso, como camas com gavetas e nichos. Assim, mesmo que não dê tempo de arrumar tudo sempre, pelo menos dá para esconder a bagunça!

5. A iluminação é muito limitada

Resultado de imagem para quarto

A única iluminação de seu quarto são as luminárias de teto? Corrija isso imediatamente. Invista em luminárias de piso e abajures, em alturas diferentes. Assim, cada um pode ser aceso em momentos específicos, para situações específicas, garantindo a iluminação certa o tempo todo. Instalar um dimmer na luz principal também é uma boa pedida!

6. Você está usando persianas laminadas (ou suas janelas estão completamente descobertas)

Resultado de imagem para quarto persiana

Cobrir as janelas é essencial para dormitórios, pois o acessório oferece privacidade, bloqueia a luz e compõe também a decoração. Não adianta, porém, optar por persianas laminadas, pequeninas. Elas juntam muita poeira e dão trabalho no movimento de abre e fecha. Troque-as por cortinas romanas ou comuns: uma boa pedida é investir em uma camada de blackout e outra com leve transparência, mais decorativa!

7. Sua cama não é limpa com frequência

Resultado de imagem para colchão sujo

Corra dos ácaros! Eles amam quartos, principalmente camas. Esses pequenos aracnídeos não são tão perigosos se você não tem alergias, mas mesmo assim é recomendado limpar o colchão e trocar os lençóis semanalmente para dormir confortável e longe dos bichinhos.

Agora me diz, já cometeu algum desses pecados?! Então já sabe, né?!? É ajoelhar, pedir perdão aos deuses do bom sono e do bom gosto e nunca mais cometê-los.

Quer ganhar R$1.000 de produtos Santista?!

santista

A gente até pode viajar pelo mundo afora, mas não tem lugar melhor que a nossa própria casa, não é verdade?!

Pensando nisso, a Santista está com uma promoção MA-RA para você renovar seu enxoval. Quer saber como participar?! Se liga, então!

A promoção é válida em todo o território nacional e acontece até o dia 20 de setembro. Para participar, basta acessar o site e aceitar as condições de participação descritas no regulamento. Em seguida, você deve preencher um cadastro e, ao final, contar a sua história.

O cadastro deverá ser preenchido com seus dados pessoais (Nome, CPF, telefone, e-mail e endereço completo) e tamanho da cama (solteiro, casal, queen ou king). Lembrando que está vetada a participação de pessoas residentes fora do território nacional.

A história deve conter no máximo mil caracteres e ser relacionada ao tema “NOSSA CASA CONTA NOSSA HISTÓRIA”: não existe lugar melhor que a nossa casa. Ou seja, você deve contar como ela traduz seu estilo, como ela te traz aconchego e carrega inúmeras histórias de sua vida!

Vale lembrar que não serão aceitas histórias que contenham cunho ofensivo, imoral, racista, discriminatório, com teor ilícito ou que sugiram ou estimulem atos que possam colocar em risco a saúde, segurança e vida e/ou que agridam a imagem e/ou direito da empresa ou de terceiros, a critério e julgamento da promotora.

O prêmio?! Enxoval completo para renovar sua casa!
1 Jogo de cama, 1 Kit cobre leito, 1 Colcha Piquet, 1 Toalha de mesa, 2 Toalhas de banho gigante, 2 Toalhas de rosto, 2 Pisos Mosaico, 3 Panos de copa, 1 Travesseiro SMART, 1 Travesseiro ULTRA, 1 Travesseiro de Corpo, 1 Travesseiro Multifunção, 1 Protetor de Travesseiro Protege, 1 Protetor de Colchão Protege, 1 Saia para Colchão Atelier, 5 Capas de Almofada, 2 Mantas, 1 Cortina Calais, 1 Cortina Londres Sarah, 1 Cortina Ravi. O valor do enxoval perfaz a quantia de R$ 1.022,17 (mil e vinte e dois reais e dezessete centavos).

 

Os prêmios ficarão exibidos no site e nas redes sociais, nas contas de titularidade da promotora.

Não para por aí!

A gente aqui da Casanova Enxovais resolveu aditivar esse concurso e te ajudar a sair ganhando de qualquer forma. Por isso, até o dia 20 de setembro, TO-DOS os produtos Santista de nossa loja estarão com -20% Off em pagamentos parcelados em até 6x sem juros e à vista. Você pode até não ser a pé quente da promoção Santista, mas já é uma sortuda por ser nossa cliente, fala sério?! 😉

 

O manual definitivo sobre toalhas

00

Já parou para pensar que a hora do banho talvez seja o único momento do dia em que você tem total privacidade? Este ritual deve ser uma experiência extremamente relaxante e para isto você deve pensar em todos os detalhes, desde o aroma do ambiente e um chuveiro potente, até a hora de se secar. Afinal, não há nada mais irritante que tentar se enxugar e continuar molhado, o que pode anular completamente o efeito de um bom banho quente.

Antes de comprar a roupa de banho, a primeira coisa que você deve levar em consideração é o tipo de fibra do tecido. As toalhas com fibras curtas são menos macias e soltam mais pelos. Em outras palavras, quanto maior o fio, melhor o tecido.

Entenda um pouco mais sobre os tipos de fios e tramas

Antes de decidir o melhor tipo de toalha para você, é preciso saber a diferença entre fibras e tramas. A fibra é o filamento encontrado em um tecido, ou seja, o fio em si. Já a trama é a forma como os fios soltos são entrelaçados para formar o tecido. Existem tecidos naturais, feitos de algodão, por exemplo, e tecidos sintéticos, como o poliéster (um tipo de plástico). Veja os principais fios para toalhas:

Resultado de imagem para toalha artex fio egípcio
Algodão Egípcio: considerado por ter a fibra mais longa do mundo. Por este motivo o tecido é o mais macio e de maior durabilidade do mercado.
Resultado de imagem para toalha santista Algodão tradicional ou cotton
Algodão tradicional (Cotton): Este é um dos tecidos mais utilizados pela indústria. A qualidade aqui depende da pureza do algodão, da espessura, da cor e do brilho.
Resultado de imagem para toalha Nanocotton santista jacquard
Nanocotton: Conhecido pela grande maciez e alto poder de absorção, possui nanopartículas de amaciante nas fibras do algodão.

Resultado de imagem para toalha fio penteado santista
A Santista tem uma linha exclusiva de Fio Penteado.

FIG-002
Fio penteado visto pelo microscópio.

Fio penteado: É desenvolvido por um processo em que as fibras mais curtas são eliminadas, o que torna o tecido mais resistente e macio. A quantidade de fibras dispensada durante o processo justifica o encarecimento do produto.

Sem título
Fio cardado: Possui fibras mais curtas, pois não passa pela penteadeira, ao contrário do fio penteado. Isso facilita a formação de bolinhas (pilling) e irregularidades (neps), prejudicando a aparência do tecido. Sabe aquela toalha 2 em 1, que te seca e faz uma esfoliação ao mesmo tempo?! Pois é…
Resultado de imagem para toalha Fio retorcido
Fio Retorcido: Desenvolvido através da torção de dois fios entre si, gerando um fio de algodão resistente. É o ideal para toalhas com desenhos em alto relevo, pois garante definição e volume por mais tempo.

 

Dicas úteis

Quando comprar as toalhas de rosto, lembre-se que o banheiro deve ter uma toalha para cada morador da casa. Estes itens são menores, ficam molhados mais rápidos. É importante também disponibilizar toalhas para as visitas.

Outra dica é comprar peças claras, pois as coloridas possuem mais gomas e dão a sensação de não secar o corpo direito. Lembre-se que toalha de mão não é o mesmo que toalha de rosto. Não é nada higiênico usar o mesmo item para as duas coisas. Deixe sempre duas toalhas disponíveis no banheiro.

Afinal, o que é esse Percal?!

Sem título

Por aqui na loja, ainda aparece muita gente que ainda confunde alguns termos do nosso mundo encantado dos enxovais. Pensando nisso, resolvi esclarecer algumas dúvidas para tentar amenizar alguns mal entendidos sobre o tão polêmico PERCAL.

Todo tecido é feito de um grande cruzamento de fios como um imenso e quase infinito #jogodavelha. Sintético ou natural, este tecido pode ser feito com fios mais finos ou mais grossos – quanto mais fino forem os fios, mais confortável será o tecido.

O tecido percal é derivado da Pércia (consegue agora fazer a relação da palavra?!), não é um termo técnico, é uma característica que, com o passar do tempo, acabou se tornando uma denominação típica para tecidos 100% algodão feito com fios mais finos e bem batidos. Podem ser considerados percal a partir de 150 fios. Mas aí você se pergunta: esses fios aí, negócio é esse mesmo?!

Bom, nesse extenso jogo da velha, há dois fios: o horizontal (TRAMA) e o vertical (URDUME). Essa quantidade de fios é o resultado da soma da trama e do urdume numa polegada quadrada, ou seja, um espaço de 2,54 x 2,54 cm. Agora imagi
na aí esse tanto de fio num espaço pequeno desse?! O resultado é um conforto proporcional à quantidade de fios – alguns parecem até que são seda!Imagem.Urdume.Trama(1)

No mercado, há enxovais com até 1000 fios, porém, os mais comuns são os de 180, 200 e 300 fios. O legal de adquirir um jogo de lençol ou edredom com densidades tão grandes é que, quanto mais você usa e lava, mais macio fica. Não perde o brilho, as cores, não encolhe e, Ó-B-V-I-O, não cria bolinhas, né minha gente?!

Agora o mais importante é o seguinte: a qualidade percal não é mais sinônimo de produto 100% algodão. Por isso, é importante ficar atenta no momento da compra para não levar coelho por lebre. Os mais comuns são os percais de 150 fios com a mistura de poliéster e 180/200 fios com uma porcentagem de modal.

Testamos: o melhor chocolate quente!

chocolate.png

Bom dia, boa tarde, boa noite! Esses dias de inverno a gente fica mais introspectivo, com mais vontade de um aconchego, de um chocolate quente pra chamar de seu…

Por isso, e apenas por isso, resolvemos testar algumas receitas que existem por aí na internet para poder te contar qual é a melhor e a mais prática. As variedades são muitas, receita com Nescau, com clara de ovo em neves, canela, pimenta e até com polenguinho! Assim, escolhemos uma receitinha que agrada a grande maioria dos paladares, com um preço baixo, mas que não te faça passar vergonha pela simplicidade de um achocolatado…

Ingredientes

1 litro de leite integral

1 gema

1 lata de leite condensado

3 col. de sopa de leite em pó

3 col. de sopa de chocolate em pó

Pitada de canela em pó

Suspiros para decorar

Modo de preparo

Bata todos os ingredientes no liquidificador e leve a mistura ao fogo. Mexa até ferver, abaixe o fogo e deixe por mais 5 minutos. Sirva ainda quente.

E aí, qual é a sua receita favorita de chocolate quente?!

20 tendências de quartos inspiradores

quartos.png

Se tem um lugar melhor no mundo, esse lugar é o nosso quarto, né verdade?! Com um jeitinho todo especial de nos representar, a decoração deste cômodo tem que ter detalhes que vão além de um simples combo de conforto para passar boas horas de sono. Por isso, selecionamos os 20 melhores quartos da web para te inspirar ainda mais!

Sem título

Bem iluminados, estes dois quartos representam bem uma das tendências deste ano: o verde. O primeiro, rústico e bem iluminado, apostou na combinação entre branco e madeira, com acessórios como cestos de vime e macramê. Em contramão, o segundo quarto é bem feminino. Com o decór definido pelos tons de rosa e laranja, encontrados tanto na roupa de cama quanto no quadro e nos livros, este ambiente trás um Q de conto de fadas.

Quando o assunto é cor, o terceiro quarto está cheio de tendência, tons como o bordô e o cinza são os queridinhos da temporada. Destaque para a roupa de cama confortável, com um toque artesanal. Ao lado, um quarto neutro, com o charme da simplicidade, com cores claras, tapetes aconchegantes e muita luz natural.

Para dar unidade ao quarto, a escolha do quinto quarto foi replicar o tom forte da parede na roupa de cama, no caso, o azul cobalto. Para completar, acessórios e mobiliário investiram no branco e preto, que já se tornou um clássico assim que apareceu como tendência em 2015.  E por falar em preto e branco, o sexto quarto tem uma pegada industrial country. Concreto, preto, branco e madeira definem este ambiente.

Você faz o estilo prático?! Então o sétimo quarto te representa. Conforto em primeiro lugar: com roupa de cama bem aconchegante, os destaques deste ambiente são as flores, as cores e a parede de lousa. E o oitavo quarto, tem como não amar?! Um ar retrô com um jeito romântico, a dona deste quarto priorizou os tons pastel nas almofadas, quadros e acessórios, enquanto trouxe toques metálicos na cama e no espelho, como o cobre, dourado e prata – outra super tendência!

Descontraído, este nono quarto optou por uma decoração mais minimalista, com fundo branco, deixando as cores e os detalhes com poucos acessórios. Completamente o oposto, o décimo ambiente optou por uma paleta de cores quase monocromática. É o branco que comanda este ambiente, apenas quebrado pelo preto, presente nas fotografias, e pelo rosa claro que colore a roupa de cama. Toda esta sofisticação é quebrada com a tendência messy, com quadro no chão e cesto de roupas à mostra.

Destaque especial para este quarto “50 tons de cinza”. Com uma pegada mais masculina, este ambiente foi especialmente decorado pela Artex, e trás a tendência sem acabamento. Tijolos à mostra, madeira de demolição e quadros escorados na cabeceira. Gostou desta cama?! Ele é o Jogo de Cama Urca, percal 180 fios e 100% algodão. Dica pra lá de especial para completar a sua cama com estilo, monocromia e estilo.

Saindo um pouco do monocromático, este décimo segundo quarto é bem colorido e alto-astral! Cheio de estampas e cores, ele é um bom exemplo de decoração boho, meio desértica, com cadeira de trama e cactos. Mais discreto e artístico, o décimo terceiro lembra um quarto de hotel. Parece impessoal, mas é aí que está o pulo do gato: ele é para os amantes das artes, por isso, tudo em volta deve ser discreto para os detalhes chamarem a atenção neste ambiente, como o criado-mudo e os quadros.

O fundo escuro de madeira deste quarto foi ideal para que a roupa de cama, colorida e estampada, se destacasse e se tornasse o ponto focal da decoração. Já o décimo quinto quarto é leve, transparece tranquilidade. Tudo isso por conta da pegada náutica, que aparece de forma discreta, como nos tons de azul dos acessórios e nos remos, pendurados acima da cama.

Azul, roxo e amarelo se encontram e se misturam na decoração do décimo sexto quarto. Destaque para o criado-mudo e a presença do branco, azul e madeira. Agora uma atenção especial para o quarto mais fashion desta publicação! Moderno e divertido, o cômodo apostou com tudo na tendência do preto e branco com detalhes dourados. Além disso, as listras, outra tendência forte, e frases que estampam quadros e almofadas, dão um ar jovial, sofisticado e divertido!

Confortável, a cama foi responsável por aquecer o nosso décimo oitavo quarto que, com luz natural abundante, apresenta um estilo industrial discreto. Atenção especial para os móveis super simples e funcionais, como a escada que serve de estante. O penúltimo cômodo é um charme à parte! Com janelas retangulares e parede cor de rosa, este ambiente optou por uma decoração mais neutra, com branco e cinza como cores principais. Um enorme vaso completa a decór.

Claro que não deixaria de falar do quarto que estampou o post de hoje! A tendência aqui fica por conta dos móveis espelhados. Com um toque royal, o cômodo possui simetria e tons neutros. A cabeceira foi substituída pelo papel de parede com uma estampa floral. Esta cama linda e aconchegante é do Jogo de Cama Paola, também 100% algodão e em percal 180 fios.

E aí, como é o seu quarto?! Segue alguma tendência ou é completamente autêntico? Comenta aí.

13 passos para uma cozinha organizada

armario.png

Há algum tempo já pensávamos em fazer uma publicação deste tipo por aqui no blog. Sempre damos dicas de como organizar alguma parte de sua casa, mas a cozinha é realmente um espaço muito importante – especialmente os armários!

Quando não há ordem nos armários da cozinha, misericórdia, a rotina pode virar um caos! É a pilha de frigideiras que despenca, a gaveta lotada que trava, os potinhos de temperos que insistem em desaparecer, a gente esquece até quais utensílios já temos e compramos pela segunda vez a mesma coisa (quem nunca?!)… Situações que rendem muita irritação e perda de tempo! Escapar dessa cilada vale a pena e é mais fácil do que parece. Duvida?!

1. O que me dispõe?!

Se utensílios e mantimentos compartilham o mesmo armário, acomode-os em prateleiras separadas. A prateleira mais baixa destina-se aos acessórios mais usados. Se você faz grandes investidas culinárias diariamente, por exemplo, vale a pena usar o espaço para enfileirar assadeiras e fôrmas. A área ainda pode abrigar panela de pressão e produtos de limpeza para reposição – devidamente acomodados em um cestinho.

2. Tudo em ordem crescente!

Para ter uma despensa organizada, o segredo é prezar pela visibilidade, itens maiores ficam atrás dos menores. Faltou espaço? Lance mão de um suporte para elevar os pacotes, ou até mesmo potes empilháveis.

3. Tudo a mão!

Nas prateleiras ao alcance das mãos, guarde o que entra e sai do armário com frequência, como temperos, guardanapos e mantimentos em uso. Cestinhas podem ajudar a separar cada conjunto. Identifique os recipientes que armazenam alimentos diferentes. Há modelos que já vêm com essa indicação – arroz, feijão, açúcar… –, mas também é possível usar a criatividade e inventar etiquetas charmosas.

4. Nada de saquinhos abertos pelo armário!

Para ganhar espaço e dar um ar de casa da vó, coloque os alimentos abertos em vasilhas com tampa. Não precisa ser daquele tipo que já determina o que deve ser colocado, com tiras de papelão, caneta e fita dupla face, faça etiquetas e personalize seu potes.

5. Cuidado, frágil!

Reserve um dos nichos para as travessas e tigelas de louça e vidro – lembre-se de que elas são frágeis e tome cuidado para não exagerar no tamanho das pilhas. Reúna as peças de acordo com o material, o formato e o tamanho. Quer botar ordem nos potes plásticos? Comece avaliando o estado de cada exemplar. Trincou, furou, derreteu? Desapegue! E saiba que tudo deve ficar destampado, o que poupa preciosos centímetros e evita que o cheiro dos alimentos fique impregnado. Posicionar um recipiente dentro do outro funciona, mas evite escondê-los.

6. Potinhos plásticos…

Os potes de plásticos, às vezes de sorvete, ideais para fazer uma quentinha para os familiares, se acumulam no armário e pode atrapalhar a dinâmica da cozinha. Empilhe-os de forma organizada e não os tampe. Com um cestinho organizador coloque as tampas em ordem de tamanho.

7. Tudo que é bonito é pra se mostrar!

Tem prateleiras a mostra? Coloque utensílios com aspecto decorativo, como garrafinhas engraçadas, aquele jogo de jantar que ganhou de presente e os livros de culináriam por exemplo.

8. Quem não tem cão…

Não tem como colocar em pontes? Sem problema! Lance mão de pregadores coloridos e fofos e de arames personalizados.

9. Alquimia na cozinha

Os condimentos de uso diário podem ficar acomodados em cestinhos organizadores. Tire-os dos saquinhos de origem e coloque em potes funcionais.

10. Uma pirâmide de panelas!

Local já consagrado para guardar as panelas, o gabinete embaixo da pia não precisa viver tumultuado. Para manter as desajeitadas na linha, tire as tampas e empilhe um exemplar dentro do outro. As frigideiras ficam reunidas da mesma maneira. Uma boa ideia para arrumar as tampas é com um porta-pratos.

11. Sobre a louça…

Uma boa forma de organizar a parte de cima do armário é deixar os objetos de uso cotidiano. Pratos organizados por ordem de tamanho e xicaras já acompanhadas de seus pratinhos facilitam o dia a dia. O módulo aéreo é perfeito para acomodar aparelho de jantar, copos e outros itens usados todos os dias, que devem estar sempre acessíveis. Um truque para ganhar espaço é sobrepor duplas de xícaras e pires.

12. Gavetas

O jeito mais tradicional de subdividir as gavetas costuma funcionar bem: na primeira, ficam os talheres básicos e, na segunda, utensílios variados para cozinhar e servir. Dispor de um divisor de talheres é a melhor forma de organizar os utensílios. Separe garfos, facas e colheres dos talheres de sobremesa e dos utensílios maiores como facas gourmet. Usar a primeira gaveta é mais prático no dia a dia.

Reserve uma gaveta para panos de prato, toalhas de mesa e aventais e outra para jogos americanos – caso o material permita, enrole-os e prenda-os com um elástico. Rolos de plástico filme e de papel-alumínio também podem ficar ali. Dobrados de forma correta e colocadas na segunda gaveta, panos de prato, jogos americanos, luva de cozinha e aventais ficam com acesso fácil.

Utensílios de uso mais específico, como espátulas e amassadores de carne podem ficar dispostos em latas organizadoras e, quando bem humorados e coloridos, dão um toque especial na cozinha.

13. O que os olhos não vêem…

0.png

Há prateleiras abertas? Exiba só o que agradar aos olhos. Sobre bancadas compactas, a regra é não entulhar. Reserve espaço apenas para o que for indispensável à lavagem da louça, como detergente, esponja e escorredor. Sobre a pia, Dispenser Coza por R$ 37,02.

Dica Casanova! Uma ideia de reaproveitamento muito boa é utilizar a vasilha em que vem os talheres recém comprados, depois de devidamente higienizada, para guardar espaguete.